Seção de prevenção

Seção Internacional da ISSA sobre Prevenção na Indústria da Construção

Seção de prevenção

Seção Internacional da ISSA sobre Prevenção na Indústria da Construção

Objetivos

A propósito da Seção Internacional da ISSA sobre Prevenção na Indústria da Construção é promover estudos e pesquisas em vários países, facilitar o intercâmbio entre especialistas e o mundo do trabalho e mobilizar especialistas para a elaboração de estratégias, métodos e novos instrumentos. para ação e análise.

A seção organiza reuniões técnicas, estudos, mesas redondas, discussões de especialistas e reuniões especializadas durante os Congressos da ISSA e os Simpósios Internacionais sobre prevenção de acidentes e doenças ocupacionais.

A Seção de Prevenção na Indústria da Construção foi fundada em 1968 e é uma das 14 Seções Internacionais de Prevenção.

Durante o século 20, o setor de construção passou por mudanças consideráveis ​​nos campos técnico, econômico e social. O desenho e uso de novos processos e a pesquisa para melhor qualidade arquitetônica e funcional, bem como para novas formas de organização do trabalho, estão mudando e influenciando a indústria da construção.

Apesar do progresso indiscutível, que pode variar entre os países, a prevenção de lesões e a promoção da saúde ocupacional continuam sendo o principal desafio da indústria da construção.

A expansão e crescente interconectividade das atividades de construção em escala mundial no século 21st constituem um desafio para os clientes e supervisores de projeto, arquitetos e departamentos de pesquisa, gerentes e funcionários da empresa, gerentes e representantes dos funcionários, especialistas em prevenção - como médicos e engenheiros do trabalho, especialistas em segurança, psicólogos ocupacionais e ergonomistas - trabalhando nos setores público e privado.

A seção, portanto, deseja desenvolver ainda mais uma abordagem global e multidisciplinar de prevenção de riscos na indústria da construção e promover uma abordagem Visão Zero, a fim de

  • detectar necessidades e expectativas em segurança e saúde ocupacional,
  • conceber dispositivos e medidas de segurança e coordenar a sua configuração,
  • desenvolver ferramentas para antecipar e avaliar melhor os custos humanos, sociais e econômicos de acidentes e doenças ocupacionais.

Estrutura

Seus dois corpos executivos são os Assembleia Geral e o Pranchas. A Assembléia Geral é composta pelos membros da Seção e se reunirá uma vez a cada três anos. Os membros da Seção elegem o Conselho, que é composto por um Presidente, a Secretária-Geral, a Secretário Técnico, atualmente nove vice-presidentes e de um Vice-Presidente Honorário.

A Seção é financiada por taxas de associação determinadas pelo Conselho.

Membros do conselho

Lista de membros do Conselho (PDF)